Artigos

Advertência sobre as Críticas Sectaristas

São de extrema clareza as afirmações de Ramatis, na obra “Chama Crística”, editora do Conhecimento, psicografada por Norberto Peixoto, e prefaciada, de forma singular, por Mariléia de Castro:

“A DIVINA CHAMA DA VERDADE QUANDO ACESA EM VÓS, CONDUZ À PAZ E À LUZ;
AO DESPERTAMENTO DO EU CRÍSTICO.”
(pág.7)

“A revelação da Verdade sempre foi, e sempre será, gradual, embora o queiram negar fanáticos e intolerantes de todos os tempos.” (pág. 14)

“A Espiritualidade é universalista, crística, não existindo do lado de cá sectarismos, seitas ou religiões, dogmas ou ritualismos exclusivistas”. (pág. 15)

“Assim, a mensagem de Ramatis, conquanto amorosa e tolerante, traz a franqueza simples da verdade: “Não é a força dos mistérios ocultos que eleva o ser, e sim o culto íntimo de cada um validado pelas obras”. E “Chama Crística” vem na tônica peculiar da mensagem ramatisiana: jamais conformista ou repetitiva, sempre progressiva, inserindo mais um degrau de conhecimento, um novo e instigante conteúdo do grande livro da Sabedoria Divina, na qual nos graduaremos um dia. Se não ficarmos relutando, indefinidamente, para sair das primeiras lições…” (pág. 16, texto extraído do prefácio de Mariléia de Castro, último parágrafo).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *